12 dezembro 2014

Resenha – Relatos de um Certo Oriente



Autor(a): Milton Hatoum
Páginas: 189
Editora: Companhia das Letras

Vamos ao final da série leituras obrigatórias para o vestibular UFSC, gente... Eu até que gostei de fazer isso aqui no blog, ler todos os livros que foram pedidos para o vestibular e estar resenhando aqui para vocês. Então, se tudo der certo ano que vem vou fazer de novo as resenhas dos livros que serão leituras obrigatórias para o vestibular e tal, me aguardem.








O livro como o título já diz são relatos, relatos de uma garota que depois de ter ficado um longo tempo afastada da família, ela volta para encontrar sua mãe adotiva e com a volta várias memórias vem a sua cabeça, ou quase isso, em cada capitulo uma pessoa diferente conta algo sobre a história que também fez parte da história da garota. Ainda acaba nos mostrando a mudança que ocorreram durante o tempo, como aquela família se relacionava, mostra também aquelas histórias antigas que geralmente a gente sempre senta e escuta nos avôs, contando sabe? Aquelas histórias gostosas que faz a gente viajar ouvindo como eles vieram para aquela cidade e tudo o que eles passaram.

O autor fez a história se passar em Manaus, fazendo com que quebre um tabu para a maioria dos brasileiros, onde sempre que a gente ouve nas escolas os professores falando sobre Manaus é apenas como um lugar onde há florestas, e aquela imagem de selva, onde há apenas índios, etc. e o autor consegue fazer com que as pessoas acabem vendo e conhecendo a cidade de outra forma (até porque está na hora das pessoas verem de outra forma, né?).

Como são relatos, são lembranças muita coisa acontece durante a história, um dos exemplos e que me chamou bastante atenção foi o fato de uma das filhas de Emilie ter ficado grávida de um cara desconhecido para toda a família e nisso ela passou ser vista pelas pessoas com outros olhos, sabe? Samara tinha 15 anos quando ficou grávida de Soraya, a mãe de Samara nunca descobriu quem era o pai e os irmãos de Samara resolveram infernizar a vida da garota, passaram ir atrás de vários caras e espalharam para quase a cidade toda que sua irmã estava grávida, chamaram ela de filha disso e filha daquilo (você entende o que eu quero dizer), ela era uma mulher da vida ao ver dos seus irmãos, por um tempo nem os pais dela aceitaram muito bem, mas depois que Soraya nasceu eles mudaram um pouco de opinião, menos seus irmãos que nem olhavam para a criança. Depois de um tempo o autor mostra a menina sendo surda-muda o que acaba fazendo com que ela fique mais isolada ainda, faz com que Samara não deixe ninguém, ou quase ninguém, chegar perto da menina. E foi interessante o autor retratar essas duas coisas que aparecem muito na nossa sociedade e que mesmo sendo hoje em dia, ainda há preconceito em relação uma garota que acaba ficando grávida com 15 anos, ou outras coisas.

A obra é meio confusa e você tem que estar ligado para não se perder durante a leitura, você vai perceber que Emilie não era do Brasil, ela veio para cá e isso tudo é explicado um pouco durante a história e também vai encontrar várias coisas durante a história que mostra traços das culturas dos lugares que Emilie viveu. Eu achei que o livro gira e muito em torno de Emilie que é a que cuida de todos e tudo, ela é quase como se fosse a heroína da garota, apesar que é a garota que está contando a história.

Então se você ficou com curiosidade para ler o livro, eu recomendo porque é legal viajar ao passado da menina e conhecer um pouco da vida dela. E espero ter ajudado você que vai fazer o vestibular amanhã.


Beijos. <3

Leia também:


Me siga nas redes sociais 

3 comentários:

  1. Esse eu ainda nao conhecia, e confesso que sempre fico bolada com esses livros obrigatorios porque nunca acho legal kkkkk Mas esse parece ser interessante, gosto desse estilo literario

    Beijoos, Ana Carolina
    Simplesglamour.blogspot.com
    Instagram e Twitter: @simplesglamour

    ResponderExcluir
  2. Muito boa sua resenha, gostei do livro, não conhecia!
    Bjs
    janamakesesmaltesecia.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Parece ser bem interessante,eu não conhecia mas fiquei bem curiosa para ler!
    Bjim

    http://www.vitaminafeminina.com/

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...